TRG Logo

O Resort Group PLC foi constituído em 2007 pelo presidente executivo Rob Jarrett, tendo este iniciado a sua carreira no setor bancário e consagrado uma vasta experiência no setor de serviços financeiros. Ele traduziu subsequentemente esse sucesso para o mercado imobiliário no estrangeiro, vendendo milhões de euros em propriedades luxuosas e desenvolvendo vários destinos turísticos de alta qualidade.

O Resort Group PLC foi criado quando Rob concentrou a sua atenção em novas oportunidades de desenvolvimento e hospitalidade. Com sede em Gibraltar e escritórios de apoio no Reino Unido e em Cabo Verde, o The Resort Group PLC estabeleceu-se rapidamente como uma das marcas de projetos imobiliários mais respeitadas e inovadoras do mercado internacional.

Números do grupo TRG

Fundado em 2007. Mais de 11 anos em funcionamento.

1000+
FUNCIONÁRIOS
EM TODO O GRUPO
€200 milhões
IN DEVELOPMENT PROFITS
2,142
PROPRIEDADES
ENTREGUES
8
NEGÓCIOS
INTEGRADOS

COM QUEM TRABALHAMOS

The Resort Group PLC enjoys working alongside the best brands in the world to provide the most reliable service, the best investments and truly 5-star all-inclusive luxury.

BECOME
AN AGENT

The Resort Group PLC are recruiting sales agents to help sell our 5-star property developments in Cape Verde.

A CAPE VERDE FOUNDATION

The Cape Verde Foundation was founded by The Resort Group PLC to make a positive contribution across a variety of projects in Cape Verde.

GESTÃO DE RISCOS

O TRG está no mercado há mais de 10 anos, com um historial de forte desempenho financeiro e gestão empresarial. O grupo gerou mais de 450 milhões de euros em receitas de desenvolvimento e mais de 200 milhões de euros em lucros de desenvolvimento. O Grupo já entregou 2142 quartos e suites de hotel, apartamentos e vivendas em cinco resorts operacionais, com uma retenção de ativos avaliados em 140 milhões de euros.

Dadas as tendências positivas do turismo em Cabo Verde, o operador turístico subjacente garante um portfólio de hotéis e resorts crescente, com uma perspetiva futura para o TRG PLC positiva e estável.

Cabo Verde é politicamente estável, com instituições democráticas sólidas e um forte quadro legal baseado na lei portuguesa. O governo tem consistentemente encorajado o investimento estrangeiro e fomentado um ambiente de negócios dinâmico.

Um risco significativo para qualquer empreendedor é a disponibilidade de terrenos. O TRG já não está exposto aos riscos de aquisição do local porque já adquiriu (com base opcional ou proprietária) o terreno necessário para todos os seus projetos planeados.

Existe um risco insignificante de planeamento, pois o TRG garantiu a autorização do planeamento geral para projetos futuros. Isto fornece muito mais detalhes do que os necessários para reduzir o trabalho envolvido na passagem do esboço geral para a autorização pormenorizada.

O TRG gere os riscos associados à construção, ocupação e custos operacionais ao negociar contratos com parceiros estratégicos sujeitos a padrões de desempenho. O grupo também emprega profissionais experientes da indústria para supervisionar o desempenho dos parceiros escolhidos.

Este risco é mitigado pelo foco significativo do TRG em rotas diversificadas para o mercado e nas suas fortes relações com agentes e introdutores terceiros, tanto no Reino Unido como internacionalmente. Estes envolvem obrigações de empresas, um fundo de investimento profissional especializado, produtos negociados em bolsa cotados nas bolsas de valores de Dublin, Frankfurt e das Ilhas Anglo-Normandas, bem como uma plataforma de crowdfunding.

O TRG considera o risco cambial como muito baixo. As suas atividades baseiam-se predominantemente em euros, com alguns custos em escudos cabo-verdianos, que estão indexados ao euro.

Os principais operadores turísticos estão confiantes no futuro do país. Cabo Verde tem uma série de atrações únicas, incluindo o seu clima e a estabilidade política, e está a crescer em popularidade entre os turistas.

Embora o portfólio de propriedade existente do TRG esteja localizado em Cabo Verde, ele alcançará brevemente uma maior diversificação através da presença em várias ilhas, com intenções adicionais de expansão para destinos turísticos europeus.

A equipa jurídica do TRG monitoriza de perto, tanto quanto possível, as mudanças propostas na regulamentação, para garantir que o grupo esteja envolvido nas principais decisões relativas à mitigação dessas mudanças propostas. Em Cabo Verde, o TRG é um dos maiores geradores de receitas fiscais do país. O grupo beneficia de um forte relacionamento com as autoridades governamentais, o que garante que esteja envolvido em decisões importantes relacionadas com possíveis mudanças regulamentares.

Cabo Verde é uma economia em crescimento, fortemente impulsionada pelo turismo. O crescimento do turismo está diretamente correlacionado com o crescimento do capital em valores ativos reais, particularmente em imóveis hoteleiros ou com base em resorts. O Conselho Mundial de Viagens e Turismo afirma que a contribuição total do setor de viagens e turismo para o PIB de Cabo Verde foi de 44,5% em 2016. Prevê-se que este valor aumente 8,6% em 2017 e em 6,5% por ano para 57,3% do PIB até 2027. As exportações de visitantes são um componente essencial da contribuição direta do setor de viagens e turismo, o que, por sua vez, impulsiona os valores dos ativos imobiliários hoteleiros. Em 2017, o número de visitantes em Cabo Verde deverá crescer 11,1%, para atingir 578 000 chegadas de turistas internacionais. Até 2027, prevê-se que as chegadas de turistas internacionais cheguem aos 728 000, um aumento de 5,8% por ano.